Você não me ensinou a te esquecer

Esquecer significa fazer com que (alguma coisa) saia da lembrança (própria ou alheia) ou pôr em esquecimento; desprezar; omitir. Esquecer também é doer por tanto já ter se doado, é querer cicatrizar com uma mudança de foco: o esquecimento. Caetano canta uma música dolorosamente linda da qual eu retirei o titulo do texto. Na verdade, [...]

Vida que segue

Mês passado fiz 25. Vinte-e-cinco. Falando assim, ecoa. Escrevendo assim, estou garantindo que você me entendeu, caso, claro, você seja eu e saiba a minha angústia. Mas mês passado também escrevi do meu orgulho de 25. Do quanto to melhorzinha aqui nessa idade escrota. Do quanto tudo tá muito sensacional e eu passo rindo à [...]

Aos 25, Nova e Melhorada!

Agosto é o mês mais amargo, frio, longo e de precária vida financeira que eu conheço. Ô, moço. Mas agosto também é o mês que os meus primeiros vinte e cinco anos no mundo ganha vida. Digo, largada. Sejamos francos, envelhecer é melhorar. Envelhecer em agosto é melhorar o dobro de vezes. Talvez seja somente [...]

Até mais

Objetos de vidros e vasos de decoração quebram. Às vezes em pedacinhos. Às vezes só fazem uma pequena e alarmante rachadura na horizontal. Mas pessoas nunca. Corações e almas continuam intactos, somente carregando em si um peso, uma dor e um enorme sentimento que mistura decepção com arrependimento.   E foi quando tive a minha grande [...]